DCI (SP)

  • 0

DCI (SP)

Category : Notícias

Acordo de Paris é oportunidade para desenvolvimento sustentável:

A União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) comemorou, na sexta-feira (4) a vigência do Acordo de Paris como uma iniciativa importante para o mundo e, em especial, para o Brasil.
No País, as políticas de baixo carbono devem se tornar prioridades do Estado. Em 2015, na Conferência do Clima (COP 21), realizada na capital francesa, 195 países assinaram o Acordo para contribuir com a redução das emissões de gases de efeito estufa (GEE) até 2030 e frear o aquecimento do planeta. O Congresso Nacional ratificou o compromisso do Brasil no dia 12 de setembro deste ano, estabelecendo a meta de redução de 43% das emissões domésticas de GEE.

Diante disso, o setor sucroenergético brasileiro terá um papel fundamental no cumprimento dessa meta, segundo a Unica, já que o País pretende atingir, nos próximos 14 anos, a participação de 18% de biocombustíveis na matriz energética, entre etanol e biodiesel. Para o mercado de etanol, isso significa produzir até lá aproximadamente 50 bilhões de litros frente aos 28 bilhões de litros registrados na última safra (2015/2016). Também está previsto aumentar de 10% para 23% o uso de energias renováveis (eólica, solar e biomassa) na matriz elétrica.

“Esperamos que a Conferência do Clima deste ano, a COP 22, em Marrocos, marque um detalhamento das estratégias dos países envolvidos para viabilizar a implementação desses compromissos”, disse Elizabeth Farina, presidente da Unica. /Agências


Leave a Reply