Correio Braziliense

  • 0

Correio Braziliense

Category : Notícias

Cemig une mineiros:

Portaria do Ministério de Minas e Energia (MME), publicada ontem no Diário Oficial da União (DOU), deixa a situação da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) ainda mais complicada quanto às concessões das usinas de Jaguara, São Simão, Miranda e Volta Grande. A pasta autorizou a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) a promover a relicitação das quatro hidrelétricas. O texto prevê que o leilão seja realizado até 30 de setembro deste ano.

A questão, no entanto, não está pacificada e pode render até uma espécie de greve de votações da bancada mineira, na Câmara dos Deputados e no Senado, caso não seja encontrada uma solução política para manutenção do direito da estatal mineira a esses ativos. Ontem, o presidente da Cemig, Bernardo Afonso Salomão de Alvarenga, se reuniu com o vice-presidente da Câmara dos Deputados, Fábio Ramalho (PMDB-MG), e cerca de 20 deputados mineiros para tratar do assunto.

Na reunião, ficou definido que os parlamentares vão pressionar o governo federal para tentar uma saída para o impasse. “Eles (governo federal) não estão respeitando os contratos. Mas nós queremos uma solução política, não só financeira, para o assunto”, afirmou Ramalho. Segundo ele, se as negociações não surtirem efeito até a data do leilão, a bancada mineira vai cruzar os braços quanto aos projetos de interesse do Planalto.


Leave a Reply