Histórico

A Andrade & Canellas, criada em outubro de 1993, pelos sócios Ivete Andrade Silva Crisafulli e João Canellas Pires de Mello, nasce com a vocação para prestar consultoria na área de gestão de energia aos clientes industriais, mas, rapidamente, amplia o escopo do seu trabalho.

O momento era de grandes transformações no cenário energético brasileiro. O novo modelo do setor elétrico, à época, começava a ser discutido, com a proposta de criação das figuras do produtor independente e do consumidor livre.

Com a decisão estratégica de alguns de seus clientes de investir na geração de energia, a A&C, um ano depois de iniciar atividades, passa a responder pelo gerenciamento de grandes empreendimentos de geração, sempre dedicando especial atenção à minimização dos impactos ambientais e aos projetos sustentáveis.

Cinco anos depois, em resposta à própria evolução do mercado, agrega às suas atividades a consultoria em contratos de energia para o Ambiente de Contratação Livre (ACL). Ao longo de sua história, em razão do reconhecimento de sua seriedade e expertise no setor energético, cerca de 50% do mercado livre foi assessorado pela A&C.

Sua capacidade de gestão de grandes empreendimentos é marca deixada na consultoria à execução de obras tais como as das usinas hidrelétricas de Machadinho (1140MW), de Barra Grande (690 MW) e de Serra do Facão (210 MW). A A&C também coordenou os consórcios vencedores nos leilões de grandes obras, dentre as quais Campos Novos, Capim Branco, Dona Francisca, Santa Isabel e Estreito.

A A&C é hoje uma consultoria apta a realizar para seus clientes todo um complexo planejamento, para atender à gestão energética e garantir o suprimento de energia de qualidade, na medida de suas necessidades.

Esse trabalho é possível graças à reunião de talentos, competências, especialidades profissionais e histórias de vida – em resumo, de gente altamente capacitada, que constitui o grande patrimônio da A&C.